29 de mai de 2012

Uma cor arrebol estourante no fim de tarde e eu caminhando pelas ruas. Silenciosas. Aguardando uma chuva torrencial.
Aqui no sul é quase inverno, mas faz mais de 30ºC e os rios estão secos. As pessoas andam meio secas também. Aguardando catástrofes.
Caminho por perto de uma praça e o som de um balanço enferrujado causa um certo estranhamento. Não me sinto bem no mundo. Às vezes me sinto em nuvem. Aguardando desabar. Aguardando desaguar.



13 de mai de 2012

1 de mai de 2012

"Esta terra inteira que habitamos é apenas um ponto no espaço. A que distância você acha que moram os dois habitantes mais afastados daquela estrela acolá, cujo diâmetro nossos instrumentos não conseguem calcular? Por que eu me sentiria sozinho? Nosso planeta não fica na Via Láctea? O que você está me colocando não me parece ser a questão mais importante. Qual é o tipo de espaço que separa um homem de seus semelhantes e o faz solitário? Descobri que nem o maior esforço das pernas consegue aproximar dois espíritos."

Henry Thoreau, em Walden.